Responder a este comentário

Conforme a vossa fé

Versão para impressãoVersão para impressão

Em Mateus 9:27-30a encontramos a narrativa da cura de dois cegos:

Partindo Jesus dali, seguiram-no dois cegos, clamando: Tem compaixão de nós, Filho de Davi! Tendo ele entrado em casa, aproximaram-se os cegos, e Jesus lhes perguntou: Credes que eu posso fazer isso? Responderam-lhe: Sim, Senhor! Então, lhes tocou os olhos, dizendo: Faça-se-vos conforme a vossa fé. E abriram-se-lhes os olhos.

Os dois cegos seguiram Jesus e suplicavam sua atenção. Talvez eles clamassem sempre por compaixão. Afinal, a limitação física poderia reivindicar uma vida digna de compaixão. E ainda, esse pedido talvez já tivesse sido feito a outras pessoas. Afinal, o que eles queriam era a cura.

Mas, naquele dia, eles pediram compaixão ao Filho de Davi e foram insistentes em sua busca. O Filho de Davi significava a solução de tudo, não só da cegueira física. Ao clamarem a Jesus, como o prometido Filho de Davi, eles O estavam reverenciando como Rei, o Messias esperado. Eles queriam ser curados e encontraram o Senhor da cura e de todas as coisas. Os cegos foram persistentes. Seguiram Jesus e entraram em casa com Ele. De repente o Filho de Davi volta sua atenção para eles e pergunta se criam que Ele poderia curá-los. Com base na resposta afirmativa, Jesus tocou seus olhos e determinou que fosse feito consoante sua fé. Seus olhos foram abertos, eles foram curados.

Jesus é, por excelência, maravilhoso. Grandioso em poder. Quando seguimos Jesus e clamamos por sua compaixão é certo que Ele se voltará para nós. E Ele age. Não se pode precisar o tempo, a hora e a forma. Mas, uma coisa é certa: Jesus age em nós e por nós.

Eis que a mão do SENHOR não está encolhida, para que não possa salvar; nem surdo o seu ouvido, para não poder ouvir. (Isaías 59:1)

Uma vez que suplicamos o perdão de Deus para nossos pecados, precisamos confiar que Ele agirá em nosso favor.

Mas as vossas iniquidades fazem separação entre vós e o vosso Deus; e os vossos pecados encobrem o seu rosto de vós, para que vos não ouça. (Isaías 59:2)

Se confessarmos os nossos pecados, Ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça. (I João 1:9)

Os dois cegos clamavam pela intervenção de Jesus. O agir de Deus mudaria completamente suas histórias. Eles creram. Foram confrontados com a Palavra do Senhor: Você crê que eu possa fazer isto? Ou, no nosso dia-a-dia, então: “Você crê que Eu faço isso?”

Muitas vezes oramos, apresentamos os problemas diante do Senhor, pedimos que Ele intervenha e nem sempre cremos que Ele agirá. Ou ainda, ficamos em dúvida se Ele se voltará para nós e se compadecerá de nossa insignificante vida.

Não consigo parar de pensar naqueles cegos. Eles sabiam que o Filho de Davi poderia mudar suas vidas. Confiar na pessoa certa é vitória certa! Ainda hoje, muitos motivos podem nos levar a buscar um encontro com Jesus: doença, dificuldade financeira, opressão, falta de paz, etc. Mas, muito mais que tudo, o encontro com Jesus tem o impactante poder de transformar nossas vidas. Não somos os mesmos após o encontro com Deus. Ele passa a ser o mais importante. E o melhor, Ele tem prazer em se relacionar conosco. É uma grata satisfação ter as orações respondidas pelo Criador. E é indescritível a sensação de confiar que Deus, o Todo-Poderoso, se importa conosco e se importa em nos atender.

Os cegos tiveram um encontro com Jesus e seguiram seu caminho. E a partir daí é que tudo começa: a grande jornada com Jesus!

Conheçamos e prossigamos em conhecer ao SENHOR (Oséias 6:3a)

Questões para refletir:

  1. Você já se sentiu como os dois cegos, clamando por compaixão à beira do caminho?
  2. Você realmente crê que Jesus pode fazer tudo por você? Como você descreveria o confronto entre a Palavra do Senhor e a sua fé?
  3. Você se sente outra pessoa desde que teve o encontro com Jesus?

 

Simone F. de Paula Santos
Igreja de Nova Vida do Guará

Responder

  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <it> <strong> <cite> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <h1> <h2> <h3> <blockquote> <span> <p> <p style="text-align: right;"> <br> <table> <address> <pre> <hr>
  • Você pode escrever código PHP. Basta incluir as tags <?php ?>.

Mais informações sobre as opções de formatação

Theme by Danetsoft and Danang Probo Sayekti inspired by Maksimer