A voz do Pastor

imagem de Flávio Cardoso
Versão para impressãoVersão para impressão

Textos bíblicos

  • O mensageiro que tinha ido chamar Micaías lhe disse: "Veja, todos os outros profetas estão predizendo que o rei terá sucesso. Sua palavra também deve ser favorável". Micaías, porém, disse: "Juro pelo nome do Senhor, que direi o que o Senhor me mandar". (I Reis 22:13-14)
  • As minhas ovelhas ouvem a minha voz; eu as conheço, e elas me seguem. (João 10:27)

Quando lemos a Bíblia, vemos tantos exemplos de homens e mulheres que foram dirigidos por Deus. Diante de situações de dificuldade e angústia, nos momentos em que deveriam tomar difíceis decisões, eles ouviram a voz de Deus, e isso fez toda a diferença. Já imaginou o que teria acontecido com os israelitas, diante do mar Vermelho, encurralados pelos egípcios que se aproximavam, se Moisés não tivesse ouvido claramente a voz de Deus, ordenando que o povo marchasse em direção ao mar? As Escrituras estão repletas de exemplos fortes como esse. Você consegue lembrar de alguma outra história bíblica assim, onde tudo acabou bem porque um servo de Deus obedeceu à voz do Senhor?

Mas também há exemplos em que as pessoas até ouviram a voz de Deus, mas não quiseram segui-la, simplesmente porque Deus não lhes disse aquilo que elas queriam ouvir. Leia a história da morte do rei Acabe, narrada em I Reis 22:1-38, e você verá um desses trágicos exemplos. Você consegue lembrar de alguma outra história bíblica trágica, onde as pessoas se recusaram a seguir a voz de Deus e tiveram um final triste?

Infelizmente, muitos de nós nos comportamos exatamente como Acabe. Vou lhes dar três exemplos reais, de fatos que aconteceram com pessoas que conheço.

  • Exemplo 1: Um jovem cristão, ávido por uma namorada, orava a Deus pedindo confirmação para saber se devia ou não namorar uma moça da sua igreja. Depois de bastante oração e jejum, Deus lhe falou por meio de Provérbios 4:23: "Acima de tudo, guarde o seu coração, pois dele depende toda a sua vida". Por alguma razão, o rapaz entendeu que Deus estava dizendo: "Vai que é tua, Tafarel!" E passou a assediar a moça.
  • Exemplo 2: A moça do exemplo 1, por sua vez, havia feito, anos antes, uma prova com Deus: se aquele rapaz fosse o seu escolhido, ele deveria trazer-lhe flores quando fosse pedi-la em namoro. Os dias foram passando, e nada das flores. Até que o rapaz chegou junto e abriu o coração para a moça. Ela exitou um pouco, mas acabou se convencendo de que sua prova não passava de uma grande infantilidade. Os dois começaram a namorar. Depois de alguns anos, o namoro acabou, com os dois bastante feridos.
  • Exemplo 3: Um jovem cristão recém-casado decidiu comprar um carro bem diferente, importado e com mais de quinze anos de uso. Pediu conselhos a seu pai, que desaconselhou a compra, pois sabia que esse tipo de carro costumava dar muito defeito. Mas o rapaz retrucou, alegando saber que essa era a vontade de Deus. Depois de bastante teimar, o pai se rendeu. Viajou com o rapaz até outro estado, para comprar o sonhado carro. Depois de algum tempo, o veículo começou a apresentar inúmeros defeitos, levando o jovem a se entristecer. Ele se queixou com o pai: "Poxa, pai. Se Deus sabia que esse carro daria tanto defeito, por que ele não me avisou?" Ao que o experiente pai responde: "Avisou, sim. Ele usou a mim e à sua mãe para lhe dizer: 'não compre esse carro!'. Mas você não quis ouvir".

Certamente, a maior parte de nós pode dar exemplos parecidos com os que eu trouxe. Houve alguma situação, na sua vida, em que Deus te falou uma coisa e você entendeu tudo ao contrário? Quais foram as consequências? Compartilhe o tristemunho com seus irmãos.

Por que será que temos tanta dificuldade em ouvir a voz de Deus nos momentos da nossa vida em que estamos diante de decisões difíceis?

Posso arriscar algumas respostas. Mas, com certeza, você poderá pensar em outras e compartilhar com seus irmãos.

Mente tagarela

Se tem uma coisa irritante é tentar conversar com pessoas que não sabem ouvir. Enquanto elas falam, você ouve p a c i e n t e m e n t e. Mas, quando chega a ora de você falar, elas simplesmente não prestam atenção em nada: ficam apenas pensando no que vão falar depois que você se calar.

Com Deus é a mesma coisa. Muitos transformam suas orações em um monólogo frenético, despejando palavras nos ouvidos de Deus. E essa verborragia se agrava ainda mais nos momentos de ansiedade, quando estão diante de decisões a serem tomadas. Não compreendem que oração é um diálogo que acontece no ritmo de Deus, e não no seu. É preciso calar a boca, calar os pensamentos, calar as emoções, calar as vontades e prestar atenção ao que Deus diz.

A prática de contemplar Deus silenciosamente nos ajuda muito a ouvir sua voz. Sugiro a releitura do texto "O bronzeamento da alma", que publicamos há um tempo atrás.

Fuga da cruz

Há muitas ocasiões em que a resposta de Deus, para nós, é simplesmente "N Ã O". Mas, nem todos os cristãos conseguem aceitar esse tipo de resposta. Ao contrário, começam a duvidar se realmente foi Deus que falou. Ou então, damos um jeitinho para fazer com que esse "NÃO", na verdade, pareça um "SIM", como nos três exemplos acima.

A Bíblia nos mostra o exemplo do apóstolo Paulo, que três vezes pediu a Deus que afastasse o espinho da carne (II Coríntios 12:7-9). A resposta de Deus foi "não". E Deus ainda explicou a razão do "não": era para que o apóstolo não se tornasse soberbo por causa das revelações que Deus lhe dava. Deus queria manter a carne de Paulo sempre fraca, sempre mortificada, para que o poder de Deus pudesse se manifestar no espírito de Paulo. Então, o apóstolo declarou: "Portanto, eu me gloriarei ainda mais alegremente em minhas fraquezas, para que o poder de Cristo repouse em mim."

Isso nos ensina algo importante: não basta aceitarmos o "não" de Deus de qualquer maneira. É preciso aceitá-lo com alegria. É preciso dizer para mim mesmo: "Flávio, desista. Você JAMAIS terá isso que você tanto queria. E louvado seja Deus por isso". É isso que o Senhor Jesus tinha em mente, quando disse: "negue-se a si mesmo, tome cada dia sua cruz, e siga-me". No começo, é difícil, pois temos a tendência de imaginar como seria bom se Deus mudasse de ideia. Mas, à medida em que dizemos "não" para nós mesmos, o poder do Espírito Santo começa a transbordar em nossa vida, nos enchendo da alegria verdadeira, a qual não depende de vermos nossos desejos realizados.

Falta de comunhão com os irmãos

A vida de Deus flui entre os membros do Corpo de Cristo. É lamentável como alguns cristãos, ao buscarem a direção de Deus, só conseguem reconhecer essa direção quando ela ocorre de forma extraordinárias, por meio de visões ou revelações de profetas. Muitos não percebem quando Deus fala por meio de conselhos simples que saem da boca dos irmãos. Tá em dúvida sobre como agir? Compartilhe essa dúvida com os irmãos do seu GV, e creia que Deus vai falar por meio deles! Veja o que diz a Bíblia:

  • "quem sai à guerra precisa de orientação, e com muitos conselheiros se obtém a vitória." (Provérbios 24:6)
  • "Os planos fracassam por falta de conselho, mas são bem sucedidos quando há muitos conselheiros." (Provérbios 15:22)
  • "Meus irmãos, eu mesmo estou convencido de que vocês estão cheios de bondade e plenamente instruídos, sendo capazes de aconselhar-se uns aos outros." (Romanos 15:14)

Então, creia meu irmão. O Grupo de Vida não é apenas um grupo de amigos, com quem você gosta de conversar sobre trivialidades. É o Corpo de Cristo, é a Igreja do Senhor que se reúne nas casas. É o lugar onde Deus fala, cura, liberta, renova. Não despreze as bênçãos espirituais que Deus quer derramar em sua vida por meio dos seus irmãos. "Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles." (Mateus 18:20).

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

Bênção de Deus! Precisamos

Bênção de Deus! Precisamos mesmo estar dispostos a ouvir a voz do Senhor!

 

Comentar

  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.
  • Tags HTML permitidas: <a> <em> <it> <strong> <cite> <code> <ul> <ol> <li> <dl> <dt> <dd> <h1> <h2> <h3> <blockquote> <span> <p> <p style="text-align: right;"> <br> <table> <address> <pre> <hr>
  • Você pode escrever código PHP. Basta incluir as tags <?php ?>.

Mais informações sobre as opções de formatação

Theme by Danetsoft and Danang Probo Sayekti inspired by Maksimer